Esquiar na Italia – conheça os melhores locais.

A Itália é conhecida mundialmente pelo seu charme e por sua história, por ser berço de grandes artistas e por sua gastronomia fantástica. Recebe milhares de visitantes todos os anos atrás da beleza de Veneza, da grandiosidade do Vaticano ou de uma típica cantina italiana por exemplo. Mas o que nem todo mundo sabe é que as montanhas italianas se transformam em verdadeiros parques de diversão durante o inverno e que as pessoas podem esquiar na Itália.

A Itália oferece uma infinidade de lugares e resorts dedicados ao esqui, que ficam localizados, principalmente, nos Alpes e Apeninos centrais, todos equipados para satisfazer dos esquiadores mais exigentes aqueles que vão para curtir apenas a atmosfera do inverno. Tem trilhas perfeitamente preparadas, e com diferentes graus de dificuldade, que atendem desde aqueles que se dedicam ao esqui como esporte, até mesmo profissional, aos iniciantes e esquiadores mais jovens.

Para quem quer esquiar na Italia não faltam alternativas. Na verdade, do esqui tradicional ou snowboard, muitos resorts na Itália oferecem outras atividades como a patinação no gelo, escalada em rocha ou passeios tranquilos na neve, para apreciar a paisagem e aproveitar o inverno, a pé com as raquetes para neve ou de trenós puxados por cães.

As crianças também podem se divertir nas áreas dedicadas a elas, como pista especial para elas, bonecos de neve, jogos infláveis ​​e muito mais.

A melhor época para esquiar vai de novembro até a Páscoa.

E para quem gosta de se aventurar em montanhas branquinhas, cobertas de neve, vamos mostrar algumas das principais estações de esqui do país.

Descubra onde esquiar na Itália.

 

Cortina D`Ampezzo

Esquiar na Itália

Localizada na província de Belluno, na região do Vêneto, Cortina D`Ampezzo é um dos points do inverno europeu. Além das excelentes pistas de esqui a estação tem uma vida noturna agitada e muito badalada. É, sem dúvida a estação de esqui mais badalada da Itália.

A cidade está localizada em meio as Dolomitas, cadeias montanhosas que são patrimônio da UNESCO, e é conhecida como a “Rainha das Dolomitas”.

A Copa do Mundo de esqui feminino é disputada aqui, na pista Olimpia dele Tofane, mas a região tem pistas para esquiadores iniciante e muito experientes.

Cortina é uma das 12 estações de esqui que fazem parte do complexo do DolomitiSuperSkiPass: passe que te permite esquiar em todas essas estações e que são interligadas entre si (em alguns casos é necessário pegar um ônibus de uma estação a outra, além das famosas cadeirinhas do teleférico).

 

Madonna di Campiglio

Esquiar na Itália

Para quem busca pistas de esqui de qualidade e gastronomia italiana de primeira qualidade, Madonna é o lugar certo.

Madonna di Campiglio é uma vila que fica na região nordeste da Itália e tem pouco mais de 1000 habitantes. Seu estilo segue a linha de cidades pequenas do interior, simples e muito aconchegante. O acesso é um pouco mais complicado do que em outras estações, a vila de Madonna fica no meio de um vale ,cercado por florestas.

Por isso, só fica realmente lotada na altíssima temporada, como: Natal, Ano Novo e Páscoa. Nos outros meses do inverno Madonna di Campiglio oferece uma experiência única e tipicamente italiana.

Mesmo com poucos habitantes, a vila está preparada para receber os turisatas, e a noite oferece bares e restaurantes elegantes, mas nada de baladas e agito noturno.

A área de esqui que fica ao redor da vila tem 150km, 57 teleféricos para levar os esquiadores e é o principal acesso as Dolomitas de Brenta, onde está a via ferrata, famoso itinerário para praticantes do montanhismo.

 

Sestriere 

sestiere

Um outro lugar bem conhecido para esquiar na Italia é o complexo de Sestriere, que fica localizado na região do Piemonte, próximo a Turim, a 17 km da fronteira com a França. Sestriere tem 400 km e cerca de 150 pistas. A mais famosa delas é a de Kandahar Banchetta Giovanni Nasi, que foi criada para receber competições de downhill, esqui em estilo livre.

Uma curiosidade é a possibilidade de se esquiar a noite, Sestiere está totalmente preparada para isso.

A estação é um verdadeiro espetáculo de neve. A pista de Kandahar Banchetta Giovanni Nasi é conhecida como o palco principal da descida livre ou downhill, e recebe todos os anos a Copa do Mundo desta modalidade. Kandahar é muito famosa pelos seu traçado sinuoso e que garante muita emoção a qualquer um que passe por ela. É uma pista ideal para atletas profissionais, já que o seu percurso tem muitas curvas e um nível de dificuldade mais alto.

 

Cervina

Esquiar na Itália

A região onde Cervina está localizada fica no Val D`Aosta na fronteira da Suíça com a Itália. A montanha coberta de neve que se estende pelos dois países abriga duas das melhores pistas de esqui da Europa. Do lado italiano está Cervina e do lado Suíço, Zermatt.

Em Cervina são 11 quilômetros de pura emoção. A Ventina é uma das mais famosas pistas da estação de esqui Breuil-Cervinia Valtournenche. A neve cai durante todo o ano, então é possível esquiva em Cervina de outubro a maio.

Uma dica para quem vai esquiar em Cervina é aproveitar a paisagem. Depois de chegar ao topo da montanha com a ajuda do teleférico, o conselho é admirar a paisagem dos alpes, o Monte Bianco é a mais alta montanha dos Alpes e da Europa, com 4.810 metros de altura. Outra dica é fazer algumas pausas durante a descida, pois na chegada ao fim da pista as pernas podem estar bambas, mas com certeza vai valer a pena. Ideal para crianças, iniciantes e para os esquiadores mais experientes, a pista em zigue-zague é uma das melhores do país.

E ai? Vem Esquiar na Italia?